Buscar
  • kaluhair1961

Já ouviu falar em Ventosaterapia?

Atualizado: 29 de Ago de 2018



A ventosaterapia ocorre a partir da aplicação de copos/ventosas na pele criando um vácuo e fazendo uma sucção da pele. Isso ajuda a controlar a corrente sanguínea do corpo. Essa técnica tem como principal função diminuir a tensão muscular, articular e aliviar a dor.

Ela auxilia nos tratamentos terapêuticos e é uma grande aliada de algumas técnicas de massagem. Em alguns casos essa técnica é realizada com objetivos estético.

Dentre os inúmeros benefícios da Ventosaterapia, se destacam para o tratamento de:

  • Desintoxicação do organismo;

  • Dores na lombar da coluna (lombalgias);

  • Dores musculares;

  • Dores abdominais;

  • Cefaléia (dor de cabeça);

  • Problemas digestivos;

  • Hipertensão arterial;

  • Aumento da circulação sanguínea local;

  • Fortalecimento dos vasos sanguíneos;

  • Aumentar a produção de líquido sinovial dentro das articulações;

  • Celulite;

  • Relaxar o corpo e a mente.

Existem 3 formas de ventosas para tratamento:

  • Copos de silicone: o copo de silicone é pressionado pelos dedos e depois colocado na pele. Assim se forma o vácuo e a pele é sugada.

  • Copos de vidro: com o vidro já é diferente, é necessário acender uma vela e colocar sua chama no interior do copo para em seguida colocar o copo na pele. Desta forma o vácuo se forma depois que oxigênio de dentro do copo é consumido.

  • Eletrônica: utiliza-se um aparelho eletrônico que promove o vácuo ao ser ligado na pele. Assim, a pele vai sendo sugada e a ventosa se prende na pele.

A Ventosaterapia tem contraindicações? Sim!


Este tratamento é contraindicado para pessoas que possuem: Trombose, tromboflebite, distúrbios hemorrágicos, hemofilia, varizes, febre, fratura no local a ser tratado, gravidez, convulsões, locais que apresentam feridas ou sinais de infecções, durante o tratamento contra o câncer.

0 visualização

Produzido por Ritmo Propaganda